Sob o olhar da fé

Você já sentiu como se as coisas não fizessem sentido? Como se o mundo tivesse sido deixado à sua própria sorte? Você já olhou os acontecimentos e teve a impressão de que as pessoas estão à deriva, propensas a sofrer quaisquer males a qualquer momento, como se tudo fosse um mero acaso e os ateus tivessem razão? Bem, se isso já aconteceu com você, quero fazer-lhe um convite! Treine seus olhos para enxergar sob a luz da fé!

Diziam os antigos que Deus escreve certo por linhas tortas. Recentemente, vi o doutor Italo Marsili comentar que as linhas tortas somos nós. Creio que ele tenha razão. O mundo exterior é confuso, mas, muitas vezes, não se compara ao mundo interior completamente bagunçado que carregamos. E no meio desta anarquia esperamos encontrar um sentido para a vida, para o sofrimento, para nós mesmos. Este não é um caminho seguro.

O melhor caminho possível a qualquer ser humano é começar a tentar ver o mundo pelos olhos da fé. Isso implicar crer na vida eterna e na presença amorosa de Deus.

É fato que existe uma vida eterna e, de alguma forma, ela é o sentido do que acontece aqui. Um cristão não pode achar que a vida eterna é uma simples metáfora! A vida eterna é o que Nosso Senhor prometeu para nós! E tudo o que vivemos aqui deve estar voltado para a eternidade. Isso significa que NADA (absolutamente nada) do que vivemos ou fazemos é sem importância. Porque tudo molda a nossa alma para a vida que experimentaremos no futuro, seja ela boa ou ruim, de acordo com nossas escolhas. Além disso, é fato que Deus cuida de nós, como PAI! Um Pai zeloso, cheio de amor!

São João Paulo II dizia que “se Deus não existe, estamos todos sozinhos”. É claro que Deus existe, mas o problema é que muitos vivem como se o Senhor não existisse ou como se Ele fosse uma realidade distante, como se tivesse esquecido de nós… E então, a vida começa a ficar difícil. As coisas começam a ficar pesadas. O mundo parece vencer o amor, a injustiça parece vencer a virtude, a falsidade parece vencer a verdade e, por fim, a morte parece vencer constantemente a vida.

No entanto, o que realmente se passa é que Deus tem outra lógica (aquela, da vida eterna), uma lógica muitíssimo diferente da nossa. É apenas isso, mas não podemos mesmo entender! “Pois meus pensamentos não são os vossos, e vosso modo de agir não é o meu, diz o Senhor.” (Is 55,8)

Se não podemos compreender as coisas, porque, em nós mesmos somos confusos e desorganizados, e, não nos foi dado compreender a totalidade dos planos de Deus, podemos ao menos confiar. De algum modo, a partir da eternidade tudo faz sentido! Tudo tem um propósito! A fé nesta verdade faz vencer as dificuldades e o olhar sobrenatural faz o coração descansar confiante e alegre!

São Josemaria Escrivá dizia: “Alguns passam pela vida como por um túnel, e não compreendem o esplendor e a segurança e o calor do sol da fé.” Que nós não sejamos como estas pessoas, mas que, pedindo constantemente a Deus que aumente a nossa fé e nos auxilie em nossa fraqueza, possamos dar a elas o testemunho de que vale a pena crer em Jesus Cristo e que a sua Presença Amorosa realmente se faz em nossas vidas!

Sob o olhar da fé, poderemos compreender como São Paulo: “Tenho para mim que os sofrimentos da presente vida não têm proporção alguma com a glória futura que nos deve ser manifestada.” (Rom 8,18) e fazer com que esta esperança seja o sustentáculo da caminhada. Pois “Hoje vemos como por um espelho, confusamente; mas então veremos face a face. Hoje conheço em parte; mas então conhecerei totalmente, como eu sou conhecido.” (I Cor 13,12)

Caminhemos pela fé, meus queridos irmãos, Deus não nos abandonou! Assim como caminhou com os endurecidos discípulos de Emaús (vf Lc 24,13-35), Ele, o ressuscitado, caminha conosco, bem pertinho!

Graça e paz!

 

Laura Cintra

Cristã Católica, 25 anos, mineira e estudante de Letras. “Um homem viveu, há séculos, no Oriente. E eu não posso olhar para uma ovelha, uma andorinha, um lírio, um campo de trigo, uma vinha, uma montanha, sem pensar nEle…” – G. K. Chesterton

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.